Principais tipos de Anamnese de Harmonização facial

Se você quer garantir o melhor resultado para seu paciente, precisa dar atenção a um passo que vem muito antes da primeira punção da agulha: a anamnese. E o SHOF pode te ajudar com isso!

Questionário médico Foto gratuita

A anamnese de Harmonização Facial é o primeiro documento que o profissional deve se preocupar ao atender seu paciente pela primeira vez. É assim em outras áreas da saúde, e na HOF não seria diferente.

Sem essa ficha, não seria possível fazer um diagnóstico preciso e um planejamento adequado.

Por isso o aplicativo SHOF disponibiliza vários modelos de anamnese, para você tomar melhores decisões e conduzir os procedimentos de HOF com mais segurança.

Mas há muitos profissionais que têm acesso apenas a anamnese simples. Isso quer dizer que os profissionais não estão fazendo as perguntas certas aos seus pacientes.

O problema disso é que o profissional de HOF não tem conhecimento de informações básicas, porém essenciais, para planejar o tratamento do seu paciente. E não estamos falando apenas de queixas estéticas, mas também de alergias, doenças, medicamentos, histórico de procedimentos, entre outros.

Então, para não trazer nenhum risco ao seu paciente, você deve conhecer os principais tipos de anamneses de Harmonização Facial:

Anamnese Básica

Em vários consultórios e clínicas de Harmonização Orofacial, a anamnese básica é aquela com perguntas padrões. Com ela, o profissional, obtém algumas informações relevantes do histórico médico dos pacientes.

No SHOF, você encontra a Anamnese Básica com perguntas amplas sobre o histórico médico, de medicamentos, de procedimentos e hábitos que possam interferir no efeito do tratamento. O diferencial é que também aborda se o paciente terá algum evento próximo.

Afinal, dependendo do tipo de procedimento, ele deve tomar cuidados específicos. E dependendo da proximidade do evento com a data do procedimento, o profissional deve avaliar se é seguro dar continuidade ao atendimento ou se deve adiar a consulta, para não prejudicar o efeito do produto ou arriscar a saúde do paciente.

Por isso esta anamnese, apesar de básica, é importantíssima para conhecer o seu paciente, entender quais são suas queixas e começar a planejar um tratamento seguro.

Anamnese Médica

A Anamnese Médica é uma continuação aprofundada do histórico médico do paciente. Como o nome diz, esta totalmente diz respeito à sua situação sistêmica.

Ao utilizar esta anamnese, o profissional tem mais conhecimento sobre seu paciente. Se houver alguma condição, é aqui que ele descobre. Além disso, há perguntas relacionadas à situação hormonal, condição do sono, comorbidades e averiguação de sintomas de alguma doença.

Com essas informações, o profissional tem mais segurança para traçar um plano de tratamento que respeite as necessidades específicas de cada paciente.

Anamnese de diagnóstico

Como você pode imaginar, essa anamnese é referente ao diagnóstico do paciente, que aborda questões do interesse do profissional de HOF. E você só encontra ela no aplicativo SHOF.

Mas, ao contrário das outras fichas, o paciente não deve responder esta anamnese, e sim o profissional. Isso porque há muitos termos técnicos que ele não conhece, e só o profissional é capaz de avaliá-los.

Por exemplo, há informações sobre os terços faciais, biotipo cutâneo, espessura e textura da pele, alterações circulatórias, discromias, entre outras perguntas. Por isso, o profissional deve preencher a anamnese diagnóstico durante a consulta, para avaliar melhor o paciente.

Anamneses Pré-Procedimento

Em seguida, temos a anamese de pré-procedimento, para o profissional se certificar que o paciente está em boas condições para realizar o procedimento. Isso pois as perguntas ajudam a identificar se o paciente seguiu corretamente os cuidados prévios, evitando possíveis reações adversas.

Além disso, envolve perguntas sobre o Covid-19, se o paciente entrou em contato com alguma pessoa contaminada, se apresenta alguns dos sintomas ou se já teve a doença.

Anamneses Pós-Procedimento

Já a anamnese pós-procedimento é para que o profissional de HOF acompanhe a recuperação do paciente. As perguntas são referentes a reações adversas, se há algum sintoma que ele não reconheça ou se identificou alguma anomalia.

Ou seja, além de auxiliar o profissional a avaliar o resultado do tratamento, também o auxilia a se preparar para intervir rapidamente, caso identifique uma intercorrência.

E não é necessário que o paciente esteja presente no consultório para isso acontecer. Afinal, pelo SHOF, o profissional consegue enviar a anamnese pelo aplicativo para o paciente responder, independente de onde estiver.

Veja também: Orientações pós-procedimento para tratamentos de harmonização

Todo procedimento exige uma anamnese de harmonização facial!

Se você quer que realizar um procedimento de HOF seguro para seu paciente, deve utilizar uma anamnese específica para cada etapa. Isso vai garantir que você tome melhores decisões ao longo de todo o tratamento.

A anamnese de harmonização facial permite que você trate cada cada paciente de forma individualizada, seguindo suas necessidades e limitações.

Além disso, é uma forma eficaz de manter sua segurança jurídica, já que esse documento é utilizado no contrato, que é assinado pelo paciente. É uma forma de justificar a necessidade do tratamento, mostrar que o planejamento foi feito de acordo e que o paciente consentiu com ele.

Se você quer saber mais o que o SHOF pode fazer por você, clique aqui!

SHOF
Autora

© SHOF - Todos os Direitos Reservados.

Contatos